Sarzedas, freguesia com cerca 1500 habitantes, pertencente ao concelho de Castelo Branco. Já foi vila e sede de concelho, hoje é uma notável Aldeia do Xisto.

Acredito que seja uma das localidades, pertencente à rede Aldeias do Xisto, de maior dimensão. Tem casas parecem palacetes, tem igrejas, capelas (só capelas existem 10) e um bonito pelourinho, tudo muito bem ornamentado. Conta com o número impressionante de 48 aldeias anexas a Sarzedas, como sede de freguesia. Sente-se a importância do passado, associada a uma dimensão intemporal. Passado com um figura imponente, ligada à sua extensão de povoamento, de seu nome D. Gil Sanches, filho bastardo do Rei D. Sancho I. D. Gil Sanches, clérigo e trovador, recebeu o foral da vila, das mãos de seu pai, em 1212, mantendo-se até aos dias de hoje com um dos nomes mais importantes desta terra. Percebo o que D. Gil Sanches viu nela. Bastou-me subir até ao alto da torre sineira, para perceber a dimensão deste lugar. De um lado as casas alinhadas e ruas estreitas (sim, D. Gil Sanches não viu isso), do outro lado uma paisagem que se perde no horizonte, entre montes e vales. Acredito que este tenho sido num dos encantamentos de D. Gil Sanches, que culminou com a sua ligação a esta terra.

Vale a visita.

  

coordenadas: 39.851285, -7.692395

Esta história pertence ao projeto Retratos do Centro de Portugal. Vão ser construídos 365 retratos, 365 pequenas histórias, sobre toda a grande Região Centro de Portugal. Podem consultar todos os retratos aqui.

HOME    HISTÓRIAS

AUTOR    PRESS    CONTACTOS

facebook  /  instagram  /  twitter

O Meu Escritório é lá Fora!, todos os direitos reservados © 2019