Dornes, esse lugar mítico do Zêzere. Para mim, uma autêntica princesa. Transporta beleza, carácter e uma história que se perde do tempo. Nos dias hoje, a sua figura ainda ficou mais embelezada com a albufeira de Castelo de Bode a fazer de Dornes quase uma ilha que se eleva do alto das águas verde esmeralda. Mas a sua história, ou o início dela, remonta ao séc. XII e à sua ligação templária. 

É fácil chegar a Dornes e embrenharmo-nos neste quase mágico lugar. Parece de conto de fadas, parece um feito a papel e lápis, tal a sua delicadeza. Para mim, apreciador de histórias de fantasia, é fácil viajar no tempo, imaginar histórias, dar nomes a personagens e viver o lugar de uma forma muito especial. Este sentimento provocado por uma magia genuína, apenas este ao alcance de poucos lugares. Dornes é, sem dúvida, um deles. 

Dornes pertence ao concelho de Ferreira do Zêzere e é separado apenas pelas águas do Zêzere do concelho da Sertã. Entre as majestosas paisagens envolventes existe um “ser” que destaca entre o demais, naquilo que é a figura Dornes. A Torre Templária, ou Torre de Dornes. É conhecida a presença templária na região, “personificada” na sua maior forma no Convento de Cristo e Castelo de Tomar. Formando uma espécie de rede, que começa, mais a Norte, com a Torre de Dornes, e termina, mais a Sul, com o Castelo de Almourol. Possivelmente edificada sob a estrutura de uma antiga torre romana, possivelmente construída de raiz para garantir a segurança dos que ali andavam na exploração do ouro. Mais tarde, já com o selo templário, pertencia à linha de defesa do Tejo, sob a batuta do mestre Gualdim Pais. Para mim, a Torre de Dornes funciona como um contraste sublime e particular. A rudeza das suas paredes, com ligações a guerra e batalhas, contrasta com a delicadeza de toda a figura Dornes. Uma princesa. Deste contraste, consegue-se carácter e aquele estatuto de único, que eleva lugar para um outro patamar sensorial.

Daqueles lugares que visito e regresso a casa com vontade de voltar. 

 

 

coordenadas: 39.771958, -8.269491

Esta história pertence ao projeto Retratos do Centro de Portugal. Vão ser construídos 365 retratos, 365 pequenas histórias, sobre toda a grande Região Centro de Portugal. Podem consultar todos os retratos aqui.

HOME    HISTÓRIAS

AUTOR    PRESS    CONTACTOS

facebook  /  instagram  /  twitter

O Meu Escritório é lá Fora!, todos os direitos reservados © 2019