32 semanas. Parece que foi ontem que estávamos a dizer às pessoas que a Liliana estava grávida. Vivo este momento com um misto de sentimentos, por um lado, quero muito conhecer a Alice e aliviar as dores e as noites mal dormidas da mãe Liliana, por outro lado, quero aproveitar todos os momentos que restam da gravidez. Sentir todos os movimentos da Alice, enfim, senti-la a crescer. Faltam menos de 2 meses para a data prevista, e hoje, a minha querida Alice, já tem mais de 40cm, quase 2kg e unhas. Parece que foi ontem que tinha de meter os óculos para a conseguir ver. Acho que é isto que sentem os pais quando vêem os filhos a irem para a universidade.

Tal como a Alice vai crescendo, o seu património material todos os dias aumenta de tamanho. É roupas de toda a maneira e feitio, embora a mãe Liliana acha sempre que falta qualquer coisinha (e provavelmente falta, porque ela tem, quase, sempre razão). O quarto da minha rica filha também já está quase pronto. Quer dizer, já temos quase tudo, mas ainda parece um amontoado de coisas. Já disse isto umas mil vezes, a paternidade activou em mim botões e acendeu luzes que nunca pensei existirem. Quase desmaiar e dizer “ai que fofinho”, quando vejo uma simples mini peúgas e imagino-as nos pequeninos pés da minha Alice, é uma coisa assustadora para mim. E o pior (ou melhor), é que não consigo ver isso como mau. Materialismos à parte, esta coisa do amor incondicional é uma coisa digna de ser sentida. E esse amor é uma coisa que vai aumentando de uma forma mais rápida que os centímetros dela.

Acabei de chegar dos Açores, estive lá quase 15 dias. Foi a última grande viagem antes da Alice nascer. É engraçado ver e sentir, como já todos, em várias partes do mundo, me perguntam pela Alice. Não sei se é por ser um pai ceguinho de amor pela filha, mas sinto todas as perguntas e preocupações como sinceras. Sinto que a minha Alice vai nascer abençoada e protegida pelo mundo que já tem e pelo mundo fora, mas essa é a parte que ela irá conquistar.

Hoje foi dia da Liliana levar uma vacina, amanhã vamos conhecer a maternidade e na próxima semana temos mais ecografia, a última antes do último mês, sim aquele em que Alice passa a comandar a coisa, e pode vir cá para fora a qualquer momento. Nesta fase também já estamos a fazer as aulas de preparação para o parto. Sim, eu também vou. Já domino todo o tipo de massagens e relaxamentos para grávidas, e todos o nomes científicos relacionados com o parto, para mim já não soam a nome de medicamento.

Sim, a mãe Liliana já está com uma barriga grande. Sim, a mãe Liliana está cada dia mais bonita. Não, não acho que sejam só dos meus olhos.



INSTAGRAM



 

Comentários

comments