André Leonardo. “Nomeado em 2016 como um dos “sete jovens que estão a transformar o mundo”, nasceu em Angra do Heroísmo, Ilha Terceira, Açores. Sempre muito irrequieto, demonstrou desde muito cedo a sua atitude e capacidade de iniciativa tendo iniciado o seu primeiro negócio aos 6 anos – venda de flores porta-a porta.

Inspirado em Fernão Magalhães deu a volta ao mundo em 2014 sozinho a relatar histórias inspiradoras de pessoas que fazem acontecer com o objectivo de mostrar que é possível ir em frente e assim inspirar outras pessoas com todos estes casos reais. Passou por 23 países, percorreu READ MORE

Share:

Adoro de coração a Costa Vicentina. Adoro as paisagens, a comida, as pessoas. Adoro entrar na Costa Vicentina (de Norte para Sul). Confesso que prefiro entrar a pé ou de bicicleta, mas mesmo de carro me provoca aquele frio na barriga. Começar por fazer a estrada entre São Torpes e Porto Covo, é algo de extraordinário. Sempre junto ao mar, com todas aquelas praias de filme. Aliás esta estrada, muito mais do que percorrer alcatrão, é quase uma sala de cinema (cuidado com as curvas 😉 ). 

Descobrir novas (e belas) praias deveria ser considerado como desporto local por aqui. READ MORE

Share:

A Inês é portuguesa, vive em Santiago do Chile há 3 anos e adora viajar! Partilha as suas histórias de viagem no blog Racing Mackerel Diaries (vale a pena visitar!!). Já viveu em Espanha, Granada e Madrid, e viveu 3 meses em Silicon Valley (uahh!!) nos Estados Unidos. Isto claro, fora de Portugal, onde também já viveu 🙂 . Interessante, não? E parece-me que não vai ficar por aqui. 

Nos tempos livres 🙂 , porque sonhar ocupa muito tempo, é financeira (de profissão). ( estou a escrever e só me estou a lembrar do programa “Portugueses pelo Mundo”…acho que é READ MORE

Share:

Há cerca de 10 anos atrás, assisti no Cineteatro São Pedro, em Abrantes (no tempo em que todas as quartas-feiras passava por lá o melhor do cinema independente europeu), a um filme chamado “Paris, je t’aime”, que contava 21 histórias sem qualquer ligação entre si, apenas com um ponto comum, Paris. Para além de achar o filme interessante, fiquei com a pulga atrás da orelha com Paris. Naquela altura ainda não tinha visitado Paris e sinceramente nem estava no topo dos planos, precisamente por ser demasiado cliché ir a Paris, cidade do amor, em que pessoas metem cadeados em pontes READ MORE

Share:

Miriam Augusto, profissão: viajante! (o texto de apresentação da Miriam poderia ser só este, que já seria grandioso 😉 ). A Miriam, aveirense de naturalidade, é CEO e líder de viagens de aventura na agência de viagens Wanderlust (um exemplo claro, de como saber juntar o útil ao agradável), pelo ainda pública histórias de viagem (com Bali incluído) no blog Salty Soul Journeys

Comigo, a Miriam, partilha uma característica: sonhadora (viajante, era demasiado cliché 😉 ). Daquelas que persegue os sonhos até ao fim do Mundo (ou até Bali, na Indonésia).  

Podem conhecer Bali com a Miriam (eu sinto-me READ MORE

Share:

Ora bem, cruzei-me pela primeira vez com a Diana, num artigo que ela escreveu sobre São Francisco na revista Volta ao Mundo. Mais tarde cruzei-me com o blog de viagens Contramapa, que está para a Diana com  O Meu Escritório está para mim. Percebi, mais tarde, que a Diana de São Francisco era a mesma Diana do Contramapa. Quando resolvi convidar gente para escrever para O Meu Escritório sobre lugares que lhe são queridos, tropeço num novo artigo na Volta ao Mundo escrito pela Diana, desta vez sobre Brooklyn. Associei-a de imediato com os United States (mais tarde percebi READ MORE

Share:

12 Aldeias (Históricas). Entre o Tejo e o Douro (Sul e Norte). Entre a Serra da Estrela e Espanha (Oeste e Este). Região fria, onde o granito é imagem de marca, mas ao mesmo tempo quente, simbolizando a maneira de (bem) receber desta boa gente beirã. 

Sou apaixonado por esta região e sinto que ainda apenas “levantei o véu”, sinto que existe muito mais por descobrir. Estas aldeias, muito mais do aldeias dignas de filme (algumas são literalmente cenário de filme), pela imponência histórica, patrimonial e paisagística que carregam, são aldeias de gente boa, onde bem receber (como se recebe READ MORE

Share:

Sofia Machado ou “Sofia na Australia”, é portuguesa, mas vive na Australia. “Despedi-me, arrumei 20kg da minha vida numa mala e mudei-me de Lisboa, Portugal para a Austrália”. Quantos de vocês já não pensaram fazer isto (e a Austrália parece tão bem)? Pois, a Sofia fez isto!

Para além de simplesmente viver na Austrália, a Sofia é uma assídua viajante (não só pela Australia) e partilha as suas histórias no blog Sofia na Australia (devem visitar, porque é bom!). O seu blog foi nomeado na categoria de Melhor Blogue de Viagens Pessoal, no BTL Blogger Travel Awards 2016. Outra READ MORE

Share:

Sou Abrantino, sou Rossiense (sendo estes as duas últimas peças da boneca Matrioska da minha naturalidade). Adoro a minha terra e nunca desejei ser de outro lugar. Por gostar e sentir tanto a minha terra, já lhe estava a dever um guia sobre o que eu acho que ela tem de melhor.

Considero Abrantes como uma espécie de ilha, banhada por diferentes influências culturais e diferentes regiões naturais. A Sul recebe a influência cultural do Alentejo e Ribatejo, e a Norte da Beira Interior. É dividida a Sul pela Charneca e a Norte pelo Bairro. A estes fatores junto o READ MORE

Share:

Foi impossível não ficar rendido de imediato, a esta Florença, principal cidade da bonita região da Toscânia. Nem consigo dizer se foi: pela arquitetura medieval, tão bem preservada e valorizada (exemplo!!); se pelo rio que tão bem liga com a cidade; se pela relação e legado com o passado artístico, Leonardo da Vinci, Miguel Ângelo, Donatello, Rafael (não, não são as Tartarugas Ninja), entre outros “famosos” (Dante, Botticelli ou Maquiavel…estava aqui até amanhã de manhã, muita gente talentosa nos deu esta cidade)  que por lá nasceram, cresceram e criaram; se por ter sido a cidade dos Médici (que foi READ MORE

Share:
Page 1 of 212