Cada vez mais, férias, não têm que ser, obrigatoriamente, sinônimo de praia. Grande parte das vezes, férias, são sinônimo de quebra de rotinas, fazer algo que foge à habitual agenda anual, normalmente sem exigir grandes preocupações. Eu gosto de dar uns mergulhos nas águas temperadas do Algarve. Mas descobrir o Alentejo, nas férias, faz mexer no meu conta rotações (aquele que mede o meu entusiasmo).

O novo luxo está na experiência e quanto mais autêntica for, mais aquele sentimento de “isto valeu” sai reforçado. O Alentejo é um diamante, em estado puro, no que toca à experiência e autenticidade. E também posso reforçar o ponto diversidade. Muito existe para fazer neste Alentejo, que mexe com o meu coração. Muito, completamente fora do roteiro.

Vou sugerir 10 coisas para fazer neste Verão no Alentejo. Não vou sugerir para irem ao Meo Sudoeste. 

#ALMOÇAR NO TINTOS E PETISCOS, em Vaiamonte

Almocei neste pequeno restaurante/taberna no dia em que me casei. Caí lá por acaso. Nunca tinha sequer ouvido falar. Não sei se foi acaso do destino, mas foi um dos melhores onde já comi ou onde gostei mais de comer. A simplicidade alia-se à perfeição por aqui. Não vejo a hora de voltar.

+info

#DESCOBRIR MARVÃO E SERRA DE SÃO MAMEDE

Esta é uma sugestão para mim também. Conheço, mas deveria conhecer melhor. Marvão é lindíssimo. E todo o território da Serra de São Mamede um complemento bastante interessante, para aliar a uma viagem por um Alentejo serrano.

+info

#VER O PÔR DO SOL NO CABO SARDÃO

Se caminha pela Costa Alentejana, entre muitas outras coisas belíssimas que esta região oferece, não pode perder um pôr do sol no Cabo Sardão. Fica entre Vila Nova de Milfontes e a Zambujeira do Mar. Tem um farol, um campo de futebol e uma paisagem de, como dizem nos filmes, “cortar a respiração”. Se assistir com a pessoa amada, a “coisa” ganha outra dimensão (conselho de amigo 😉 ).

+info

#SUBIR AO TOPO DO CASTELO DE MONSARAZ

Para mim, um dos mais bonitos castelos do nosso país. Com uma vista deslumbrante para a albufeira do Alqueva. Procure, caminhe, descubra o ponto mais alto que conseguir. Depois desligue o tempo e faça silêncio. É Alentejo e um dos meus lugares favoritos.

+info 

#BEBER UM VINHO NUMA ADEGA TÍPICA

Acho que esta referência toda a gente já conhece. Mas é obrigatório. Alentejo, também é vinho (e vinha) e existe toda uma cultural associada. Poderia dizer Estremoz, Vidigueira ou, por exemplo, Arraiolos. É tudo bom. Basta ir para o Alentejo interior e procurar uma adega. Vai ver, mais do que beber vinho, vai entrar numa história.

+info

#DESCORBIR A PRAIA DO TONEL, Zambujeira do Mar

Para mim, uma das mais bonitas de Portugal. E, seguramente, uma das mais “secretas”. É difícil chegar lá. Lembram-se o Cabo Sardão? É seguir por um caminho de terra (Rota Vicentina) para Sul. Fica a cerca de 5km do Cabo Sardão. Só o caminho vale a pena.

+info 

#VISITAR AS RUAS FLORIDAS DO REDONDO

Uma festa popular que acontece todos os anos, nesta bonita vila alentejana. Muita coisa boa para fazer por aqui. Percorrer as ruas floridas, comer (e beber) bem, ouvir Cante Alentejano ou ouvir muitas histórias, estão no menu destas festas. Este ano acontecem de 29 de Julho a 6 de Agosto.

+info

#VER O RIO GUADIANA A PARTIR DO CASTELO DE JUROMENHA 

Conheci este castelo, abandonado, na primeira viagem (oficial) que fiz no Meu Escritório. Fiquei, literalmente, de boca aberta com a vista para o rio Guadiana. A visita às ruínas do castelo, também é ponto interessante. Do outro lado do rio, fica a vizinha Espanha. 

+info

#DORMIR NO TORRE DE PALMA WINE HOTEL, Vaiamonte

Está no meu coração. Para mim um dos melhores lugares para dormir, no Mundo (inteiro). Fica no Alentejo, não sei se ainda ainda é um segredo, mas, para mim, vai ser sempre sagrado.

+info

#JANTAR NA TABERNA DO ARRUFA, Cuba

Muito provavelmente, a mais engraçada taberna onde já entrei. Só lá fui uma vez, certamente vou voltar, mas já falei nela mais de 1000 vezes. Digo sempre que o meu maior medo, é não querer sair de lá.

+info

Comentários

comments